Capital de giro para empresas: veja 5 formas de conseguir!

Veja mais

Você sabe como conseguir capital de giro para empresas? Esse recurso é fundamental para manter a saúde financeira do negócio em dia e evita que as contas fiquem no vermelho. Como nem sempre as verbas necessárias para cobrir as despesas do cotidiano estão disponíveis nas datas certas, é preciso tomar algumas providências.

A escassez de dinheiro pode ser gerada por uma série de problemas, desde uma queda inesperada nas vendas até um aumento na inadimplência dos clientes. Seja qual for a questão que deu origem à essa situação, é preciso agir rapidamente para evitar seu agravamento.

Quer saber como fazer isso? Neste artigo, vou listar 5 alternativas para você aumentar o capital de giro da empresa e impedir que a sua reputação frente aos fornecedores fique prejudicada. Então, aproveite as dicas e boa leitura!

1. Reduza os custos operacionais

A redução de custos é uma constante nas empresas e deve fazer parte da sua rotina. Em tempos mais delicados, porém, ela precisa ser um pouco mais agressiva. Uma boa tática é interromper a produção de uma linha de menor saída por algum período e focar naquelas que trazem mais dinheiro para o caixa.

Outra forma de reduzir os custos é implementando ações pontuais em detalhes menores, mas que, juntos, somam uma quantia considerável. Desde a troca de lâmpadas por modelos mais econômicos e instalação de redutores de pressão nas torneiras até na compra de produtos menos caros para o suprimento do escritório, materiais de limpeza e alguns itens da produção.

Cada uma dessas atitudes ajuda a minimizar o impacto dos custos operacionais no montante das despesas a serem pagas, demandando um valor menor de capital de giro.

2. Aumente a projeção de vendas

O segundo caminho que vou apresentar é, de certa forma, oposto ao primeiro. Em lugar de reduzir a produção para ter menos custos a cobrir, a ideia é aumentar a projeção de vendas para que entre mais dinheiro no caixa. É uma excelente alternativa, mas que demanda um bom planejamento e muito cuidado por parte dos gestores. Existem dois cenários que favorecem essa estratégia, como vou mostrar a seguir.

A empresa está estável e o mercado favorável

Vamos começar pelo melhor deles: as vendas estão indo bem, as metas planejadas estão em dia e o mercado apresenta números animadores. Excelente hora para pensar em levar o negócio a um próximo passo, não é mesmo? Nesse caso, é importante elaborar um planejamento detalhado e já começar a reservar uma fatia maior do faturamento para o capital de giro que será necessário dali em diante.

A empresa enxerga uma boa oportunidade de crescimento

Na segunda situação, a empresa pode não estar em suas melhores condições. Os pagamentos até podem estar em dia, mas a duras penas. Contudo, existe uma boa oportunidade de oferecer um novo produto, ou de ingressar em uma nova região de atuação.

O aumento das vendas é uma consequência natural desse cenário, desde que se tenha uma reserva suficiente para dar início à empreitada até que ela gere o retorno necessário. Caso contrário, é preciso obter um auxílio, como mostrarei na sequência.

3. Receba aportes financeiros dos sócios

Os aportes financeiros são votos de confiança dos sócios em forma de dinheiro. Eles concederão tais valores apenas se você, como gestor da empresa, mostrar que haverá um bom retorno sobre esse investimento. Se o motivador do pedido estiver relacionado com oportunidades de crescimento, tais como as que apresentei no tópico anterior, essa tarefa será mais fácil.

Senão, você terá que elaborar um plano muito bem estruturado para justificar tal pedido. Tenha segurança de que os resultados positivos serão alcançados e que os sócios não se arrependerão de confiar no seu trabalho.

4. Recorra a linhas de crédito especializadas

Caso um aporte não seja possível, existem diversas linhas de crédito que ajudam a obter capital de giro para empresas. Bancos e instituições financeiras se interessam em oferecer crédito para negócios que estão iniciando ou que planejam um crescimento no curto prazo. É uma forma segura de obter recursos, mas exige uma certa precaução.

De uma forma geral, esse tipo de solução demanda uma papelada mais detalhada e um plano bem definido de ações que ofereçam segurança a quem está concedendo o dinheiro. Além disso, algumas dessas organizações aplicam taxas altas sobre o valor concedido, o que aumenta o custo para o seu negócio.

5. Antecipe os recebíveis

Por fim, minha última dica sobre como conseguir capital de giro para empresas é antecipar recebíveis. Apesar de soar como um empréstimo comum, a antecipação de recebíveis é uma linha de crédito diferenciada, na qual a contratação se baseia em valores que sua empresa já vendeu, mas ainda está aguardando a data do recebimento.

É uma alternativa muito mais segura, rápida e prática de conseguir colocar as contas em dia. A instituição financeira tem a segurança de que o valor será devolvido no prazo determinado e o processo de liberação para a sua empresa é feito de maneira ágil e eficaz.

Aqui na Multiplike, por exemplo, os valores solicitados podem cair na sua conta em apenas 60 minutos. Ideal para aqueles momentos em que um pagamento precisa ser feito no mesmo dia, mas o caixa só teria o montante disponível em alguns dias. Sem falar que as taxas que incidem sobre a operação são muito mais baixas do que em outras linhas de crédito, principalmente aquelas de bancos tradicionais.

Como você pôde observar, existem diversas formas de conseguir capital de giro para empresas, algumas mais baratas, outras mais rápidas, mas apenas uma delas apresenta ambas as características. Sendo assim, avalie a situação do seu negócio com bastante cautela e escolha a opção que mais se adéqua às suas necessidades. Evite que o seu nome fique “sujo na praça” e tenha uma marca mais forte e próspera!

E, se você está precisando melhorar o capital de giro da sua empresa e está em busca de uma solução mais barata, ágil e segura, a Multiplike é o melhor parceiro que você pode ter nesse momento. Então, não perca tempo, entre em contato e conheça nossas linhas de crédito!

Voltar