Certificado Great Place to Work

Tecnologia em gestão financeira: por que investir nessa relação?

Veja mais

Há algumas soluções que chegam, são usadas durante algum tempo e, depois, desaparecem. O fenômeno, inclusive, pode ser gradual ou de uma hora para outra. Por outro lado, existem tendências que surgem, fincam raízes e permanecem conosco pelo resto de nossas vidas.

Se você é gerente de um negócio, precisa enxergar, analisar e saber diferenciar esses elementos. Você sabe dizer quais deles são cruciais para o sucesso de sua empresa atualmente e nos próximos anos? Independentemente do nicho de seu negócio, eu adianto que a tecnologia em gestão financeira é um fator imprescindível.

Aliás, você deve manter a organização a mais próxima possível das transformações tecnológicas. Acompanhá-las não é uma tarefa fácil, já que mudam em um piscar de olhos. Isso não significa que toda empresa precisa de todo um aparato tecnológico de última geração. Porém, ela deve ter à disposição um conjunto de ferramentas que proporcionem agilidade e flexibilidade aos processos inerentes a cada departamento.

Encabeçam a lista os setores contábil e financeiro. No momento, o que nos interessa é o gerenciamento das finanças de seu negócio. Afinal, por que você deve direcionar recursos para a tecnologia em gestão financeira o quanto antes? Para descobrir, continue a leitura e aprenda a transformar sua organização em um negócio rentável e moderno.

Otimização dos processos gerenciais

Nos dias atuais, fica até difícil imaginar como seria uma administração exemplar sem a adoção de ferramentas tecnológicas. Mesmo uma pequena mercearia rende mais quando existe algum meio que facilite as operações.

Ao implantar um sistema automatizado no setor financeiro, você passa a receber um conjunto de dados mais organizado. Quanto maior a qualidade do sistema, melhor será a distribuição desses dados. Isso quer dizer que eles ficarão devidamente alocados nos lugares certos.

Integração das informações

Caso a tecnologia de gestão financeira adotada também seja capaz de cruzar esses dados, melhor ainda! Além de melhor organizados, os dados são agrupados e reagrupados automaticamente. De uma maneira geral, a gestão financeira é facilitada devido à possibilidade de projeção de cenários.

Uma vez que o processo é essencial para gerenciar o dinheiro do negócio, ele se destaca da concorrência. Basta notar que tudo (e muito mais) que foi dito aqui é feito rapidamente e de um modo muito mais efetivo. A extração de informações relevantes de cada conjunto de dados segue o ritmo exigido pelas tomadas de decisões diárias da empresa.

Isso se deve ao fato de esses conjuntos “conversarem entre si”. Dito de outro modo: você consegue ter uma visão micro e macro da gestão financeira em questão de segundos. O nível de profundidade das inter-relações estabelecidas depende dos recursos disponibilizados pelo sistema em uso.

Como companheira de gestão financeira, a tecnologia prepara o terreno para que o fator humano — você — entre em ação. Os resultados, sem dúvida, são muito melhores quando se tem uma sincronia entre as informações utilizadas para gerir as finanças.

O valor de um conjunto de dados está diretamente ligado à capacidade de transformá-los em informações úteis. Acredite, isso é muito mais fácil mediante o uso de uma tecnologia que jogue a luz ideal em cada um desses aglomerados numéricos.

Redução de custos e falhas

Além das vantagens anteriores, a tecnologia também ajuda o gestor financeiro a cumprir uma de suas missões mais básicas: reduzir custos. As políticas de redução de gastos embasadas em cortes salariais de funcionários estão longe de ser boas práticas. Logo, é necessário buscar alternativas mais viáveis e inteligentes.

Espera-se, então, que o gestor financeiro encontre dezenas de outras soluções internas. Uma delas, certamente, é a adoção de uma tecnologia em gestão financeira que produza números favoráveis na planilha de custos.

A economia resulta do desenvolvimento de um planejamento financeiro muito mais alinhado às necessidades do negócio. Além disso, sua empresa dificilmente pagará multas devidos a atrasos de pagamentos. Afinal, as rotinas financeiras serão minuciosamente controladas pelo software de gestão financeira.

Por fim, vale ressaltar que as falhas humanas também serão reduzidas ou completamente eliminadas. Muitas vezes, algumas contas deixam de ser pagas devido ao esquecimento de um funcionário. Somam-se a isso os simples erros de digitação que podem acarretar prejuízos consideráveis. Um setor financeiro amparado pela tecnologia passa a se preocupar com problemas mais importantes.

Aumento na produtividade

Enquanto diminui os custos, a tecnologia também promove o aumento da produtividade do negócio. Os relatórios financeiros não só serão emitidos mais rapidamente, como apresentarão informações mais relevantes.

Consequentemente, o processo de tomada de decisão se torna mais fluido e ágil. Para um departamento financeiro, isso significa uma coisa: otimização de toda a rotina de trabalho. Em um ambiente mais dinâmico e caracterizado por processos eficazes, os colaboradores se sentem mais confiantes e motivados.

Um dos aspectos que mais angustiam um colaborador é a incerteza com relação à origem de determinadas informações. A partir da automação do setor financeiro, ele se sente mais seguro para executar a função que lhe foi atribuída. Não há aquele medo enorme de cometer uma falha que pode causar consequências desastrosas, como prejuízos financeiros à empresa.

Outro detalhe interessante é a melhor utilização das habilidades dos colaboradores. A automação de qualquer setor livra as pessoas de realizarem aquelas tarefas rotineiras mecânicas.

Embora necessárias, certas atividades não agregam valor ao cargo envolvido. Essas mesmas tarefas cansativas e repetitivas podem ser as grandes responsáveis pelo aumento do índice de turnover. Já a implantação de uma infraestrutura tecnológica no setor financeiro da empresa ajuda na retenção de grandes talentos.

Mais do que isso: ela é determinante para que a empresa realmente aproveite tudo o que um ótimo colaborador tem a oferecer. Ao realizarem tarefas que de fato agregam valor à organização, os colaboradores se tornam mais produtivos. Em um médio e longo prazo, a empresa conquista um crescimento econômico verdadeiro e estável.

A tecnologia em gestão financeira é substancial para que seu negócio tenha um planejamento estratégico customizado. Com uma visão mais nítida de todas as operações, o gestor financeiro consegue detectar falhas e oportunidades. Desse modo, ele tende a tomar decisões que realmente contribuam para alcançar os objetivos do negócio.

Interessado em receber outras informações relevantes como essas diretamente em seu e-mail? Assine nossa newsletter agora mesmo!

Voltar